segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Lemmy Kilmister, vocalista do Motorhead, morre aos 70 anos

Lemmy Kilmister, vocalista e baixista da banda Motörhead, morreu nesta segunda-feira (28), aos 70 anos, completados no último dia 24 de dezembro. Segundo o perfil oficial da banda no Facebook, o músico estava em casa e enfrentava uma "curta batalha contra um câncer agressivo", descoberto no último dia 26.



A notícia da morte foi confirmada por Ozzy Osbourne em sua página no Twitter. "Perdi um dos meus melhores amigos, Lemmy, hoje", escreveu o líder do Black Sabbath. "Ele era um guerreiro e uma lenda. Eu te encontrarei no outro lado".


 Ainda não se sabe a causa da morte, mas o radialista norte-americano Eddie Trunk disse em suas redes sociais que o empresário do Motörhead está preparando um comunicado oficial para publicar em breve.

Desde 2013, o músico vinha passando por problemas de saúde. Além de diabetes e gastrite, Lemmy também teve que colocar um marcapasso. "Eu tive de cortar o cigarro e a bebida", disse o músico à revista "Kerrang". "Tenho certeza que vou morrer na estrada, de uma forma ou de outra".

Em abril deste ano, o Motörhead chegou a cancelar sua participação no festival Monsters of Rock, em São Paulo, a poucos minutos de acontecer a apresentação, por causa dos problemas gástricos de Lemmy.

A banda lançou em setembro o 22º album, "Bad Magic". A previsão era de que eles continuassem a turnê até o final de janeiro.

Em novembro, o ex-baterista do Motörhead, Phil Taylor (ou "Philthy Animal" Taylor), morreu aos 61 anos. Taylor fez parte da formação clássica da banda, com Lemmy e o ex-guitarrista Eddie Clake nos períodos de 1975 a 1984 e de 1987 a 1992.

Fonte:Uol

1 comentários:

Postar um comentário