sábado, 31 de outubro de 2015

Já sem Messi e Aguero, Argentina não deve ter Zabaleta contra o Brasil

Como se não bastasse o mau início de Eliminatórias, com apenas um ponto somado em duas partidas, a Argentina deve ter mais problemas para as duas importantes rodadas da competição que acontecem neste mês de novembro. O lateral direito Zabaleta, do Manchester City-ING, sofreu uma distensão dos ligamentos do joelho e provavelmente não ficará à disposição de Gerardo Martino.

A lesão ocorreu durante partida da Copa da Liga Inglesa, nesta quarta-feira, na qual o City venceu o Crystal Palace e se classificou para as quartas de final da competição. Mas perdeu o argentino, que teve sua contusão avaliada como de “grau 1”, ou seja, leve, mas deve ficar pelo menos duas semanas fora do time e, assim, não poderia se preparar adequadamente para o duelo contra o Brasil, marcado para o dia 12 de novembro. A concentração dos mandantes começará três dias antes, em Ezeiza, cidade integrante da grande Buenos Aires.

Zabaleta se lesionou na última partida pelo Manchester City (Getty Images)

Caso realmente precise cortá-lo da relação, Tata Martino, que já não conta com Messi e Aguero, poupados, deve optar por convocar um lateral de Boca Juniors ou River Plate. O favorito é Gino Peruzzi, que veste a camisa dos xeneizes e foi destacado pela imprensa argentina por suas atuações na Libertadores de 2012, quando defendia o Vélez Sarsfield e fez bom trabalho marcando Neymar nas quartas de final da competição. Mas, após dois placares de 1 a 0, um para cada lado, o Peixe avançou nos pênaltis na Vila Belmiro.

Outra opção para o técnico argentino é Gabriel Mercado, de 25 anos, lateral direito da campanha que levou o River Plate ao título da Libertadores e à semifinal da Sul-Americana, na qual enfrentará o Sportivo Luqueño-PAR, algoz do Atlético-PR.

Depois do duelo contra o Brasil, que acontecerá no Monumental de Núñez, a seleção argentina continua sua campanha nas Eliminatórias no dia 17, quando vai à Colômbia desafiar Falcao García, Cuadrado, Teo Gutiérrez e companhia.

0 comentários:

Postar um comentário