segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Bayer não sente alívio por ausência de Messi e teme força do Camp Nou

O assunto do momento em Barcelona é a ausência de Messi por lesão, mas o Bayer Leverkusen, adversário dos catalães nesta terça-feira, pela Liga dos Campeões, evitam o tema. Os alemães enxergam o Barça ainda igualmente forte, e consideram o rival, que ainda terá as lideranças de Neymar e Suárez no ataque, como favorito a vencer o duelo no Camp Nou.

- Enfrentar o Barcelona no Camp Nou é a partida fora de casa mais difícil que se pode jogar. Vamos acreditar nos nossos pontos fortes, e um deles é jogar como visitantes da mesma forma que jogamos no nosso estádio. Tentaremos ser adversários formidáveis para o Barcelona - analisou o técnico Roger Schmidt.



Vindo de vitória na primeira rodada sobre o Bate Borisov, o Leverkusen é o atual líder do Grupo E, já que o Barcelona apenas empatou com o Roma na Itália em sua estreia. Para os alemães, segurar os catalães é fundamental na missão da tentativa de classificação para a próxima fase - no ano passado eles foram eliminados nas oitavas de final pelo Atlético de Madrid, nos pênaltis. 

Depois de boa campanha na última Champions, o Leverkusen aparece fortalecido neste ano pela contratação do atacante Chicharito Hernández. O mexicano fez um dos gols do time na goleada por 4 a 1 na estreia na competição e é a principal aposta para gols nos rápidos contra-ataques dos alemães.

- É importante jogar contra os atuais campeões e mostrar o que queremos. Perfeição não existe, mas, nesta terça, para ganharmos do Barcelona, precisamos chegar o mais perto dela possível - disse, prevendo atuação surpreendente do Leverkusen no Camp Nou.

Sobre a lesão de Messi, Chicharito, que no ano passado foi rival do Barça no Real Madrid, disse que não consegue ficar feliz. 

- Não posso comemorar a lesão de um companheiro de trabalho-  explicou, mas ressaltando que, por mais que considere Messi grande, o elenco adversário continua perigoso com a presença de atacantes como Neymar e Suárez. 

0 comentários:

Postar um comentário